domingo, 24 de janeiro de 2010

Vencer é bom, mas não é tudo

O Tricolor conseguiu sua primeira vitória na noite de ontem e, apesar dos 3 a 0, o futebol apresentado ainda esta longe daquilo que a equipe pode render.

Contra o Rio Claro, Ricardo Gomes optou por escalar laterais especialistas mas o rendimento da equipe ainda não foi o desejado, e tivémos poucas jogadas pelos lados do campo. Além disso, mais uma vez tivemos um jogador expulso (Adrian González).

Embora o teste tenha sido válido, a meu ver Marcelinho Paraíba rende mais quando joga no meio de campo e chega como terceiro atacante. Ontem, como parceiro de Washington, não esteve bem tão bem quanto na estreia. Outro que esteve sumido em campo foi o Léo Lima, mas ainda acho que vai melhorar. De resto, o time foi “meia-boca”. Faltou vibração, alma.

Mas o jogo de ontem teve coisas boas também: Rogério Ceni mostrou que continua em forma e além das grandes defesas, marcou seu 86º gol na carreira. Espero que a decisão de Ricardo Gomes de tirá-lo da condição de batedor de penaltis, não o atrapalhe na busca do gol 100. Ontem RC só cobrou a apenalidade porque o jogo já estava decido.

Ricardo Gomes mostrou que segue firme em seu planejamento e além de Adrian González, Xandão também teve a chance de jogar. Sergio Mota, embora tenha entrado somente no finalzinho do jogo, novamente participou da partida e isso irá lhe dar aos poucos a confiança que precisa para mostrar todo seu futebol. Acho que do elenco os únicos que ainda não jogaram foram o Fernandinho (machucado), Denis, Wagner Diniz e os “fujões”.

A partir da próxima rodada o São Paulo irá iniciar uma série de 4 jogos na arena Barueri (Paulista, São Caetano, Santos e Monte Azul) pois o Morumbi estará alugado para os shows do Metálica e Beyoncé.

Nenhum comentário:

Postar um comentário