sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Presidente do São Paulo faz alianças de peso

Reprodução: LANCENET

Clube tem novos consultores. Entre eles, os influentes Abílio Diniz e Roberto Justus
Gabriel Saraceni

Imagem: Miguem Schincariol
Depois de na semana passada anunciar que vai se candidatar à reeleição no São Paulo, Juvenal Juvêncio deu nova cartada política para mostrar o quanto é importante para o clube e está rodeado de pessoas influentes.
Nesta quinta-feira, no Morumbi, escolhidos aleatoriamente, ele nomeou seis consultores para o Conselho Consultivo. Esses vão contribuir com ideias, além de boas relações de acordo com o ramo de atuação profissional. Todos vão ter contato com a diretoria.
Entre eles estão o empresário Abílio Diniz, único que não esteve no evento, e Roberto Justus, apresentador de TV e publicitário. A reportagem do LANCENET!, logo após uma apresentação do mandatário, ainda no Morumbi, teve contato com os recém-empossados. Todos foram só elogios a tudo que presenciaram durante cerca de uma hora de meia e demonstraram gratidão pelo convite que receberam.
– Fizemos algo parecido em 2002, com GES, composto por gente do marketing. O Conselho está com uma linha parecida. É bom, soma forças. É mais um órgão importante no São Paulo – afirmou o vice de comunicação Júlio Casares.
Uma juíza, dois Ministros e o Secretário da Educação do Estado de São Paulo completam a lista (veja detalhes ao lado). Durante a reunião, uma das principais abordagens foi a Copa do Mundo. Juvenal Juvêncio ainda acredita que pode colocar o Morumbi nas partidas de 2014. Para isso, agora também conta com a ajuda dos seus novos aliados. O presidente mostrou as obras que serão realizadas nas redondezas do estádio, e que as mesmas vão começar o mais rápido possível.
O mandatário entende que o Morumbi fora da Copa é uma questão política, e não estrutural, versão oficial da Fifa até então.
Com mandato por vencer em abril, Juvenal tem maioria para se reeleger. Para tirar qualquer dúvida de que ele é o melhor candidato para o clube, mesmo que seja em uma terceira gestão, ele agora conta com gente de grande influência em diversos ramos para lhe dar mais força interna e até externa.
Uma reunião com os consultores está marcada para maio, mesmo mês das eleições no clube. Até lá, eles já vão trabalhar.

Bate-Bola com Roberto Justus

LANCENET!: Como foi o convite?
JUSTUS: Recebi um telefonema de Bastos Neto, presidente do Conselho. Existe o Conselho e esses seis convidados. Vejo como uma homenagem para nós. Não esperava, mesmo minha paixão pelo clube sendo pública. Entender como vai ser e contribuir é lisonjeiro para quem gosta tanto do São Paulo. Estou feliz.
LANCENET!: Como vai conciliar o tempo, já que tem outros afazeres profissionais?
JUSTUS: O que demanda tempo é diretoria executiva, que tem funções que atrapalham o dia a dia. Não estamos nela, mas no Conselho. Vamos ter reuniões esporádicas. Quem sabe outro dia posso participar de uma ou outra gestão executiva, mas só mais para frente.
Integrantes do grupo
Paulo Natanael P. de Souza: Secretário da Educação do Estado de São Paulo. Atual Presidente do Conselho Diretor do CIEE Nacional e do Conselho de Administração do CIEE/SP.
Abílio dos Santos Diniz: Empresário, tem grande influência em vários ramos de atividade. É considerado um dos homens mais ricos do Brasil.
Roberto Luiz Justus: Publicitário e apresentador de TV, tem relação com os mais diferentes ramos de atividade. Após programas de repercussão nacional, ficou popular.
Cláudia Lúcia Fonseca Fanucchi: Juíza federal, pode ajudar em assuntos jurídicos do clube, que já conta com um escritório de advogados.
Sydney Sanchez: Ministro do Superior Tribunal Federal (STF). Conduziu impeachment contra o então presidente Fernando Collor.
Pedro Paulo Teixeira Manus: Ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TSF). Entre outras coisas, pode ajudar o em consultas sobre cota de estagiários e deficientes com vínculo de emprego. 

Comentário do blog
JJ pode ser qualuer coisa, menos burro. Com uma "tropa de choque" dessas, sai de baixo.

Um comentário:

Anônimo disse...

Começa assim ... altera estatuto ... chama gente de peso e credibilidade para seu lado ... "força" a interpretação do Estatuto ... consegue reeleição ... depois nova reeleição ... e vai ficando ... este filme já passou noi Corinthians, Palmeiras, Santos, Vasco da Gama, etc ... deposi não venham reclamar ...

Postar um comentário