quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Juvenal compra briga com aliado

Reprodução: Jornal da Tarde

O presidente do São Paulo Juvenal Juvêncio comprou briga com um de seus aliados ao aceitar receber da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) a polêmica ‘Taça das Bolinhas’. O presidente do Clube dos 13, Fábio Koff, informou ontem aos dirigentes do Flamengo que a entidade vai entrar como parte interessada ao lado do clube na ação contra a CBF. O departamento jurídico do Tricolor se diz tranquilo em continuar com o troféu, recebido na segunda-feira, em cerimônia na Caixa Econômica Federal.

Comentário do blog
Por essas e outras que acho que o SPFC deveria se preocupar somente com ele próprio, deixar essa mania de querer ser o “salvador do futebol brasileiro”, na hora que o bicho pega, todos correm.
Juvenal teve grande desgaste por apoiar Koff e agora é essa a paga.

10 comentários:

Anônimo disse...

Mas, na verdade, ninguém está contra o São Paulo nessa. A briga é com a CBF.

Anônimo disse...

É mais fácil o SPFC entregar o troféu ao Fla do que a CBF reconhecê-lo como campeão de 87, essa taça mesmo que o SPFC entregasse ao Fla não legitimaria o campeonato de 87.

Renato disse...

Guedex e nobres tribcolores,
Nao consigo deixar a etica de lado e nao tomar uma posicao neste caso. O Flamengo foi pentacampeao em 1992. Seria de muito bom tom da parte do Sao Paulo a entrega desta taca das bolinhas ao clube carioca, uma atitude soberana. Sem insegurancas. Eh isto que faria. Nao consigo entender o Juvenal Juvencio. Primeiro ele , mesmo sabendo que custaria a exclusao do Morimbi da Copa de 2014, apoia o Fabio Koff na eleicao do Clube dos 13. Por mais tenha ficado muito chateado por perder uma grande oportunidade de modernizar o nosso estadio, devo reconhecer que o apoio se fez valer, vejam as noticias que dao dos novos valores para a transmissao do Brasileirao de 12,13 e 14. Depois de maneira incoerente, vira as costas para 1o os fatos (Flamengo eh penta); e 2o para seu aliado. Desde 2009 o Juvenal, na minha opiniao, nao tem competencia para presidir o Sao Paulo. Ele ao tentar forcar o 3o mandato mancha a historia de um clube que sempre este em outro nivel dos demais brasileiros e ao aceitar esta inutil taca acaba criando uma sitacao desnecessaria e deselegante com um clube foi seu aliado ha pouco tempo atras: o Flamengo. Guedex, sinceramente, se vc fosse o presidente do Sao Paulo nesta mesma situacao (Flamengo te apoiado no C13 e chapelado pelo RT no Morumbi 2014) ficaria com a taca? Nao ta hora do Sao Paulo Futebol Clube voltar a ser Sao Paulo Futebol Clube? Abs do fa do seu Blogasso!

Anônimo disse...

Nos meus tempos de campeonato na escola, faltou a partida é WO... e isso foi o que o Flamengo resolveu fazer naquele ano... Não adianta chororô... mesmo com a opinião da maioria... mesmo com a decisão do clube dos 13... e quem mais for... a decisão sobre o campeão daquele ano é responsabilidade única e exclusiva da CBF... e mesmo com as diferenças entre SPFC e a CBF, a decisão é pró-SP... (sei que tem os interesses do Ricardo Teixeira em desestabilizar a relação entre os dois clubes...). Na minha opinião o SPFC é o verdadeiro merecedor da taça, ao ser tanto o primeiro penta campeão reconhecido pela CBF e primeiro tri consecutivo... Se o Flamengo tinha tanta direito a taça, pq nunca se preocupou antes???

Régis/SP disse...

Por que ninguém questiona a inércia da diretoria do Flamengo e só a atitude do São Paulo?
O Flamengo foi campeão em 1992 e só resolveu comprar briga quando alguém foi penta-campeão 15 anos depois, em 2007?
Será que eles acharam que ninguém seria penta nesse período?
Em tempo, não tenho certeza, mas acredito que exista um problema jurídico em o São Paulo dar a taça ao Flamengo, pois o Sport é reconhecido pela justiça como o legítimo campeão brasileiro de 1987. Caso isso ocorra, o São Paulo pode ser processado por danos morais pelo Sport.
Comprar briga pelo Flamengo? Jamais...

Reginaldo Marques disse...

Parte 1/2
Galera bom dia, agradeço ao Guedex pela oportunidade de deixar registrado em um espaço bem conceituado no meio do futebol a minha opinião.
Para não misturar as idéias e deixar o mais claro possível a minha opinião e posição a respeito deste entrevero batizado de Taça das Bolinhas vou dividir O texto em tópicos.
1º - Lealdade aos clubes e ao Clube dos Treze. Como é de conhecimento de todos torcedores, mídia, cartolas e demais pessoas e entidades que acompanham o futebol em seus bastidores o SPFC sempre foi à voz destoante dentro da CBF por inúmeras vezes o voto solitário contra as mais diversas besteiras, idiotices e malandragens imaginadas, tramadas e executadas pela CBF com a benção de todos os clubes “grandes” do Brasil. O SPFC sem o menor pingo de constrangimento por parte de seus “co-irmãos” sempre foi literalmente corneado; Impingindo ao clube toda sorte de prejuízos que vai desde a montagem de uma tabela até a eliminação inexplicável do Morumbi da copa. Assim na minha humilde opinião o SPFC no quesito lealdade e ética a este amontoado de picaretas não deve absolutamente nada.
2º - Copa União. Não adianta ficar discursando sem conhecer os verdadeiros fatos ocorridos á época da Copa União e desta forma fico com a Palavra do Aidar que em entrevista ao Juca Kfouri relatou a verdadeiro causador deste imbróglio que simplesmente nunca foi citado ou chamado a responsabilidade que nada mais é do que o Sr. Eurico Miranda que em uma reunião simplesmente beijou a mão do Ricardo Teixeira e concordou em nome do C13 com o cruzamento dos dois módulos para só então declarar o Campeão da entidade. Dizer que o SPFC aconselhou, endoçou, solicitou, acordou, assinou ou exigiu que o Flamengo não entrasse em campo contra o Sport é ridículo. Por fim da mesma forma que todos temos de engolir as mazelas (Mundialito de 2000) da Fifa concordemos ou não, também temos de nos resignar com as decisão da CBF.
3º - Um peso e duas medidas. É incrível como o brasileiro tem facilidade de sustentar duas morais como se isso fosse uma coisa normal. Um dos maiores problemas de nosso país é justamente o desrespeito a ordem publica com ênfase as decisões judiciais. É de ter medo a atitude que formadores de opinião vêem tomando, divulgando e insuflando o povo a ignorar uma decisão judicial já tramitada em julgado que dá ao Sport o direito adquirido em campo de ser declarado o único Campeão Brasileiro de 87.
Continua....

Reginaldo Marques disse...

Parte 2/2
4º - O dono do time. Apesar de não achar nada alentador ter um terceiro mandato, assunto que abordarei assim que a eleição realmente se definir, este problema por mais que não queiramos é sim de esfera intima dos conselheiros e cardiais tricolores com direito a voto. E apesar de todos sem exceção tomarem o JJ com um ditador ele não se portou como tal neste episódio. O JJ não poderia sob pena de desrespeito a ordem judicial e principalmente por não ter o direito de abrir mão de um patrimônio moral e material que a Taça representa a nação tricolor. O JJ representou na tarde de segunda feira não somente a sua pessoa, o JJ representou a cada um de nós sãopaulinos que não abrimos mão de nosso direito. Analisando os acontecimentos por este lado se o JJ entregar esta Taça ao Flamengo quem ele estará traindo? O Flamengo, a CBF, O Clube dos Treze ou a nós torcedores do SPFC?
5º - C13 intimidação e chantagem. Porque a mídia não diz a verdade e informa a opinião publica que o Sport foi intimidado e chantageado para ter direito a entrar no C13? É a mais descarada falta de vergonha na cara o Flamengo dizer que o presidente do Sport assinou uma ata abrindo mão de um direito conquistado em campo e nos tribunais em troca da aprovação de seu ingresso nos quadros desta porcaria de C13 é a institucionalização da bandidagem é a materialização da chantagem como forma de administração. Desta forma não dá para se levar a sério pessoas que tem como hábito esta forma de atitude para atingir seus objetivos.
Por fim a verdade dos fatos é um só. Por mais de vinte anos tanto o Sport como a Taça das Bolinhas foi ignorado por todos incluindo o Flamengo. Foi somente o São Paulo ter adquirido o direito de sua posse que o mundo inteiro se lembrou dela, como no caso dos títulos que caíram do céu para alguns clubes, foi somente o SPFC ter chegado ao Hexa que como em um toque de mágica a CBF descobriu os feitos do futebol antes de sua existência. Não passa de retaliação e tentativa de diminuição dos feitos do SPFC pura dor de cotovelo, inveja, despeito.
Lamentavelmente o que fica de lição nesta historia toda é a covardia dos jornalistas Sãopaulinos e a falta de caráter e respeito dos demais.
Reginaldo Marques.

Régis/SP disse...

Xará, você disse tudo e mais um pouco...

Renato disse...

Regis,
Clarissima sua opinao. Permita-me responder ao seu questionamento:
"Analisando os acontecimentos por este lado se o JJ entregar esta Taça ao Flamengo quem ele estará traindo? O Flamengo, a CBF, O Clube dos Treze ou a nós torcedores do SPFC?"
Minha resposta: Como sao-paulino apaixonado que sou (como todos vcs que frequentam este blog de 1a qualidade) nao vejo traicao alguma a nao tricolor ao entregar uma tacinha ao Flamengo. Primeiro, para nos nada muda. Continuaremos sendo o clube mais vencedor nacionalmente, em que pese a unificao de titulo da CBF, pois considero-nos o maior ao analisar os fatos historicos. Vejo exatamente de forma oposta uma possivel reacao da nossa torcida (registre-se que respeito demais sua opiniao, muito bem colocada), seria motivo de orgulho a nacao tricolor reconhecer que um rival eh merecedor da dita cuja. Concordo contigo que etica no futebol eh mosca branca, mas vc sabe que nos somos diferentes, acho que este era o momento de mostrar isto para o Brasil. Meu, nao podemos pautar nossas atitudes ao nossos rivais, isto nos nivela a eles, isto nao eh Sao Paulo Futebol Clube. Com uma certa propriedade posso-lhe afirmar que: Nao ha desrespeito a decisao judicial na hipotese levantada do Sao Paulo entregar a taca ao clube carioca, pois o transito em julgado reconhece apenas a legitimidade do campeonato vencido pelo Sport em 1987, e soh. Nada ha nada juridicamente que obrigue que a taca fique no Morumbi. A melhoria do futebol brasileiro depende do Sao Paulo, mas para isso precisamos ousar. Sendo claro. O Sao Paulo Futebol CLube tem que ser o Sao Paulo Futebol Clube e enfrentar esse ditador Ricardo Teixeira. O nosso clube tem condicoes de tirar esse cara do poder do futebol brasileiro. O Sao Paulo fazendo uma alianca forte hoje com Flamengo, ajuda-me a imaginar que no futuro seja possivel criar uma Liga aqui no Brasil. Todos os clubes ganhariam com isso, principalmente o Sao Paulo, que teria a oportunidade de diputar uma liga do nivel das disputada na Europa. Vejo a entrega da taca apenas como o primeiro passo para este ideal, apenas isso. Bom desculpe-me por me estender demais. Mas esta eh a minha opiniao. Um grande abraco.

Reginaldo Marques disse...

Renato respeito a sua opinião, mas te digo uma coisa de vez em quando é bom dar um murro na mesa.
www.ocorneteirofreelance.blogspot.com

Postar um comentário