quinta-feira, 3 de março de 2011

Estádio do Corinthians ainda depende de garantias

Reprodução: ESTADÃO.COM.BR
Almir Leite

Apesar do aval da Fifa. permanecem a pendência financeira e as questões burocráticas que atrasam o início da construção

Agora só falta o estádio do Corinthians. Com a realização, nesta quarta-feira, da licitação para a construção da Arena das Dunas, em Natal, o Itaquerão passou a ser o único dos 12 estádios que serão utilizados na Copa de 2014 que ainda sofre com indefinições. Apesar disso, foi oficializado na terça pela Fifa como o local paulista da competição.
Imagem: Arquivo/AE
As pendências relativas ao Itaquerão são, principalmente, financeiras. O Corinthians mantém a disposição de bancar o estádio para 48 mil pessoas (a construtora Odebrecht, parceira do clube, deverá ficar responsável por pedir ao BNDES os R$ 400 milhões da linha de crédito aberta para obras em estádios), mas falta saber quem pagará os cerca de R$ 200 milhões necessários para ampliar a capacidade para 65 mil, condição para receber a abertura e a semifinal da Copa.
Parte desse valor virá de incentivos fiscais que a Prefeitura de São Paulo vai dar para a arena. Há, também, problemas burocráticos. É necessário que Corinthians, Prefeitura e Ministério Público assinem um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para que a situação do terreno em Itaquera seja regularizada, além da obtenção de várias licenças para que a obra comece.
Na semana passada, o prefeito Gilberto Kassab fez uma previsão: "Poderemos dar condições ao Corinthians começar a construção do seu estádio até o final de abril"", disse. O clube é mais otimista e planeja começar a terraplenagem em 1.º de abril.

Natal
Apenas a OAS participou da licitação da Arena das Dunas. Agora, a Comissão de Licitação tem até 4 de abril para analisar a proposta. Se tudo der certo, o contrato de PPP será assinado. "Não há mais a possibilidade de Natal ficar de fora da Copa", garantiu o secretário extraordinário para a Copa, Demétrio Torres. Ele afirmou que, mesmo que a OAS seja reprovada pela comissão, o governo potiguar tem, pela Lei de Licitações, autonomia para convidar uma construtora para executar o projeto.

3 comentários:

Rogério - Sorocaba disse...

1º de abril tem tudo a ver com o CÚrintchas. Como é o dia da mentira mostra que o 'istádio não passa de um golpe. Tudo o que foi feito, com o pretenso selo da FIFA, tem a marca das patas do filho de Satanás, Dom Ricaço Peixeira. O cheiro do perfume 171 é inebriante, para seduzir algum desavisado investidor à colocar a montanha de dinheiro que falta, ou seja tudo.

Rogério - Sorocaba disse...

Conforme comentei anteriormente o pretenso selo da FIFA não passava, na realidade, da marca das patas do filho de Satanás, Dom Ricaço Peixeira. Agora vemos, no site ESPN.com.br, que a FIFA DESMENTIU a abertura no PINICÃO, dando um recado aos políticos (presidenta, governador e prefeito) de que eles somente pagam a conta mas é a FIFA quem define o local.

Anônimo disse...

Cara que essa aberração não sair é melhor fechar aquela porcaria da marginal, já nos roubam e ainda querem mais?

Postar um comentário