sábado, 12 de março de 2011

Juvenal se contradiz sobre cobertura do Morumbi

Reprodução: De prima

O presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, disse que custará cerca de R$ 100 milhões a cobertura fixa do Morumbi, um terço a menos do que ele dizia até então. Juvenal também se contradisse sobre o contrato: "a cláusula de confidencialidade proíbe de anunciar a multinacional". E em seguida declarou: "o contrato ainda não foi redigido".

Comentário do blog
Não vejo contradição alguma. O que JJ quis dizer é que o contrato acertado prevê a confidencialidade, é não é porque ele ainda não foi redigido, que esta cláusula deixa de valer.
Ao invés do repórter destacar aquilo que realmente é importante, ou seja, a redução de R$ 30 milhões no custo da cobertura, quis criar uma contradição que não existe.

2 comentários:

Anônimo disse...

é incrível como jornalista fala sobre coisas que não entende. trabalho na área de marketing de um grande jornal do brasil e, portanto, sei do que estou falando.

enquanto empresas redigem contratos, já existe um acordo entre as partes sobre as principais cláusulas. principalmente sobre a confidencialidade do que está sendo negociado. aliás, é muitíssimo comum que empresas assinem acordos de confidencialidade antes de começarem a primeira reunião!

também não vi contradição alguma. se houve, foi apenas quanto ao menor valor da cobertura, o que seria ótimo!

Anônimo disse...

O pior não é jornalista procurar pêlo em ovo, o pior é ler certos comentários de alguns torcedores, o pessimismo desses caras dá nojo! Parece que torcem pra dar errado... tá loco.

Concordo com vocês e com o primeiro comentário do amigo acima, valeu!

Postar um comentário