sábado, 26 de março de 2011

Juvenal se irrita com voto contrário às contas de 2010

Reprodução: De prima

Bastou um único voto contrário à aprovação das contas de 2010 para o presidente Juvenal Juvêncio perder a calma. "Coloca aí: aprovado por unanimidade menos um" berrou Juvêncio ao presidente da sessão, o que não foi feito, a bem da semântica. O voto contrário foi do oposicionista Edson Lapolla, que diz não ter tido acesso a nenhum contrato da gestão Juvêncio.

Comentário do blog
Esse Edson Lapolla esta querendo aparecer. Além do mais, ele, que é candidato à presidencia do clube, é contra a construção do monotrilho.
Não sou a favor da permanência de JJ,  mas antes ele do que Lapolla. Acho que a oposição Triciolor tem nomes mais "qualificados".

Um comentário:

Anônimo disse...

Parece ser um idiota esse cara, até os outros conselheiros que são contra votaram, quer aparecer!

Postar um comentário