sexta-feira, 11 de março de 2011

RedeTV! revela que pagou menos do que previa por desistências de Globo e Record

Reprodução: ESPN.com.br

O diretor de relações institucionais da RedeTV!, João Alberto Romboli, revelou à reportagem da ESPN.com.br ter utilizado sua proposta mais baixa para conseguir os direitos de transmissão do Brasileirão no triênio 2012-2014. A emissora paulista levou dois envelopes para a reunião no Clube dos 13 e, como a Globo não participou da licitação e a Record desistiu na manhã desta sexta, pagou menos do que previa.
A RedeTV! foi a única emissora de TV aberta das cinco convidadas pelo Clubes dos 13 a participar da licitação. Ela fechou com a entidade o valor de R$ 516 milhões por ano (R$ 1,548 bilhão pelo triênio) para ter os direitos. O lance mínimo estabelecido era de R$ 500 milhões. Se tivesse, no entanto, a concorrência de Globo e Record, a RedeTV! teria feito uma proposta superior a R$ 700 milhões anuais.
O diretor Romboli, da RedeTV!, questionado se a segunda proposta seria acima de R$ 700 milhões por ano, respondeu, confirmando: "O segundo envelope, era (superior a 700). Mas era menor que 800 (milhões)".
A proposta vencedora, portanto, foi aproximadamente 30% inferior ao que a RedeTV! pensava em gastar para comprar os direitos do principal campeonato de futebol do Brasil. O fato constata que o racha no Clube dos 13 e a ausência de concorrência prejudicaram os clubes - o próprio presidente da entidade, Fábio Koff, declarou que a proposta foi menor do que o C13 esperava.
Romboli contou qual foi a estratégia para saber qual era a melhor proposta a ser utilizada: "Eu cheguei primeiro e fiquei na portaria vendo quem estava chegando. Quando deu 10 horas, eu exigi que cumprisse o edital".

Um comentário:

Anônimo disse...

só não entendi uma coisa: se o lance mínimo era 500 milhões e a redetv sabia q só eles iam participar, por que colocaram mais 16 milhões na proposta???

Postar um comentário