quarta-feira, 6 de abril de 2011

Tensão marca encontro do COL de SP com a Fifa

Reprodução: ESTADÃO.COM.BR

Em inspeção virtual baseada nos projetos, estidade terá de explicar atraso das obras em Itaquera

Os representantes do Comitê Paulista para a Copa de 2014 podem ter um dia complicado nesta quarta-feira, no Rio. Eles vão participar de mais uma inspeção dos estádios do Mundial, promovida por técnicos da Fifa em conjunto com o Comitê Organizador Local (COL), e terão de explicar por que as obras em Itaquera ainda não começaram. Menos mal que a inspeção é virtual e baseada nos projetos apresentados. Mesmo assim a situação não deve ser muito confortável, pois o projeto do Itaquerão ainda não foi aprovado - depende de licenças da Prefeitura, acordo com o Ministério Público e a remoção dos dutos da Petrobrás que passam pelo terreno.
Apesar das garantias dadas pelos governos municipal, estadual e federal de que o estádio paulista da Copa é o do Corinthians e de o presidente do clube, Andrés Sanchez, ter dito que as obras começam na segunda quinzena deste mês, o clima é de apreensão. Segunda-feira, no programa Roda Viva, da TV Cultura, o prefeito Gilberto Kassab deu uma declaração enigmática. Disse que, "se o Corinthians não conseguir fazer seu estádio, a abertura não será em São Paulo".
Pouco depois, surgiu a informação de que o BNDES não aceitou as garantias dadas pela construtora Odebrecht para ter acesso aos R$ 400 milhões disponibilizados por uma linha de crédito para a construção do estádio.
Na reunião do COL com o pessoal da Fifa - das áreas de transmissão de TV, marketing e tecnologia - serão solicitadas pequenas modificações nos projetos.

Nota do Blog
O ministro do Esporte, Orlando Silva Jr, desmentiu ontem, após audiência pública da Comissão de Turismo e Desporto da Câmara dos Deputados, a informação publicada pelo Portal 2014 de que o governo federal será o avalista da construção do estádio Itaquerão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário