sexta-feira, 6 de maio de 2011

Médico descarta cirurgia em Fabuloso

Reprodução: Jornal da Tarde
Paulo Favero

Sem poder fazer sua reestreia pelo São Paulo por causa de dores na perna direita, Luis Fabiano foi às lágrimas quando percebeu que não teria condições de estar em campo contra o Avaí, na quarta-feira. O jogador era a grande esperança da torcida, mas ficou fora mais uma vez. Na quinta, o médico do clube, José Sanchez, tratou de avisar que o atleta não terá de ser operado.
“Eu estou vendo muita coisa que não é verdade por aí. Não é problema de joelho, não é ligamento e não tem essa de cirurgia”, explicou o médico.
O especialista conta que Luis Fabiano está com uma dor no tendão semitendinoso, que fica atrás do joelho. É um problema muscular. E por isso mesmo ele garante que a contusão não é no joelho. “É como falar que tem uma dor no músculo do peito e falarem que é coração”, compara. Sanchez lembra que a importância deste tendão é muito pequena e que muitas vezes é tirado para servir de enxerto em cirurgias de ligamento cruzado.
No caso do atacante do Tricolor, o que ocorreu foi uma fibrose, espécie de cicatriz, que quando tem excessos se torna indesejável. “Se ele não fosse um atleta, já estaria ótimo. Mas como joga, vai exigir uma recuperação total”, disse, sem precisar o tempo de recuperação. “Uma hora isso vai parar de acontecer e tudo é uma questão de tempo. Só é difícil precisar quanto.”
Justamente por isso, ele não descarta até o uso do jogador na próxima partida, quinta-feira, contra o Avaí, na Ressacada, em Florianópolis. Mas lembra que as chances são remotas.
“Tudo é possível. O prazo para o próximo jogo é curto, mas não descarto nada. Se ele em uma semana disser que está bem, ele vai para o campo”, revelou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário