quarta-feira, 22 de junho de 2011

O que o Brasil pensa sobre dinheiro público na Copa

Reprodução: Blog do Juca Kfouri

A Sport+Markt, empresa de pesquisa especializada nas coisas do esporte, ouviu 8221 brasileiros durante os primeiros dias deste mês para saber o que o país acha de investir dinheiro público em estádios de futebol.
A divulgação de todos os números, estado por estado do país,  e cidade por cidade-sede da Copa do Mundo de 2014, será feita ainda hoje, mas o blog teve acesso a alguns números, bem interessantes.
De todo o universo pesquisado, 29,9% não tem opinião formada sobre o tema.
Mas apenas 25,4% concordam com o uso de dinheiro público em estádios, contra 44,7% que discordam.
Entre apenas os que têm opinião formada, a discordância aumenta significativamente, com 63,7%.
De novo no universo total, as maiores taxas de concordância, com 31%, se dão em Minas Gerais e no Rio Grande do Norte.
As menores no Amazonas e no Rio de Janeiro, com 17% e 14,7% respectivamente.
E a maiores taxas de discordância aparecem no Rio de Janeiro, 51,2% e no Rio Grande do Sul, com 52,1%.
No estado de  São Paulo, 24,2% não tem opinião formada; 27,1% concordam e 48,7% discordam.
Entre os que têm opinião formada, na cidade de São Paulo, 60,2% discordam do uso de dinheiro público em estádios de futebol e, no estado, 64,2% não concordam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário