quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Assembleia paulista aprova o retorno das bandeiras aos estádios de São Paulo

Reprodução: ESTADÃO.COM.BR
Fabio Leite e Fabio Serapião

Projeto do deputado estadual Ênio Tatto vai agora para a sanção do governador Geraldo Alckmin

A Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou, em votação na noite desta quarta-feira, projeto de lei que prevê a volta das bandeiras com mastros aos estádios paulistas, mesmo com o 'voto' contrário da Polícia Militar. Agora, para entrar em vigor, a lei só precisa da aprovação do governador Geraldo Alckmin (PSDB), que tem 15 dias para fazer isso.
Como forma de pressionar os parlamentares, integrantes das uniformizadas dos principais clubes da cidade, como Palmeiras, Corinthians e São Paulo, ocuparam a galeria do plenário da Assembleia desde a tarde desta quarta. Desde 1995, as torcidas de São Paulo são impedidas de utilizar bandeiras com mastros de bambu ou qualquer outro tipo de material nos estádios.
A PM foi sempre contrária à sua volta por entender que os mastros das bandeiras se transformam em 'armas' perigosas quando ocorrerem brigas entre torcedores rivais.
O autor do projeto, Ênio Tatto (PT), comemorou a aprovação. "Espero que o governador, que é santista, sanciona a lei. A lei é um crédito às torcidas organizadas, que embelezam os estádios paulistas."
Os líderes das torcidas uniformizadas também festejaram. "Não existe histórico de confronto com a utilização de mastros de bandeiras no Estado de São Paulo. Queremos devolver a festa e o espetáculo das bandeiras aos estádios", declarou Danilo Zamboni, sócio-fundador da Independente, do São Paulo.
"De forma alguma os mastros serão utilizados em alguma forma de confronto. Já temos outros instrumentos como tambores e baterias que poderiam ser utilizados em brigas e não o são", disse André Guerra, presidente da Mancha Verde, uniformizada que reuniu na Assembleia seguidores do Palmeiras.

Comentário do blog
É lógico que sou a favor da volta das bandeiras, mas temo pela imbecilidade de parte dos “torcedores” brasileiros.
Ontem por exemplo, tinha um idiota no meio da torcida tricolor utilizando laser contra o goleiro do Ceará. Imagine um babaca deste com um mastro na mão.
Aconselho que ao presenciar atos como este, o torcedor denuncie o imbecil à um policial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário