quarta-feira, 31 de agosto de 2011

ONG e SPFC realizam sonho de jovem São-Paulino


Garoto que sofre de câncer realiza sonho de conhecer ídolos do Tricolor

Reprodução: globoesporte.com
Marcelo Prado e Sergio Gandolphi

Com ajuda de uma ONG de Campinas, Jorge Luiz, de 14 anos, ganhou camisa de Rogério Ceni e pediu para Dagoberto um gol contra o Flu

Um dia para ficar guardado com carinho na memória do garoto Jorge Luiz Martins, de 14 anos. Com câncer, ele tinha como grande sonho conhecer o estádio do Morumbi e poder acompanhar um treino do seu time do coração. E, com a ajuda da ONG Sonhar Acordado, de Campinas (SP), e de uma leve mentira da mãe, Rosemari Martins, isso foi possível nesta terça-feira.
Morador de Cruzeiro, interior de SP, Jorge foi para São Paulo com a explicação de que precisaria realizar um exame. Só descobriu o que aconteceria na verdade quando viu o Morumbi de perto. Depois de conhecer todas as instalações do Cícero Pompeu de Toledo, foi ao CT da Barra Funda. E chorou de alegria. Três vezes.
Ceni assina camisa que deu de presente a Jorge (Foto: Renata Libertini / Divulgação ONG Sonhar Acordado)

Primeiro, ao ver os ídolos de perto, desabou de emoção e abraçou a mãe. Depois, quando o treino acabou, foi carinhosamente recebido pelos jogadores. Ganhou uma camisa do goleiro e capitão Rogério Ceni, que o convidou para acompanhar a partida desta quarta-feira, contra o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro.
O melhor ficou para o final. Fã de Dagoberto, o moleque voltou a chorar copiosamente. Ao ganhar um autógrafo do camisa 25, pediu.
- Dagoberto, faz um gol para mim?
O atacante respondeu:
- Pode deixar. Além do gol, que vou tentar, a minha camisa do jogo será sua, ok?
Garoto chora ao ficar perto do ídolo Dagoberto, que lhe dará a camisa que será usada na partida desta quarta-feira, contra o Fluminense, pelo Brasileiro (Foto: Sergio Gandolphi / Globoesporte.com)

Outros jogadores passaram. Jorge tirou foto com Lucas, Juan, com o auxiliar técnico Milton Cruz. E ainda visivelmente emocionado, comentou a experiência.
- Eu mal consigo falar de tanta alegria. Minha mãe deu o melhor presente da minha vida. Ficar perto deles é tudo que eu sempre sonhei na minha vida. Essas fotos ficarão guardadas com carinho e espero conseguir ir ao jogo e dar sorte ao time – disse Jorge.
A mãe, corintiana fanática, disse que pelo menos por um dia, virou a casaca.
- Pelo meu filho, posso dizer que vivi um dia de são-paulina - disse, sorrindo, dona Rosemari.
Garoto agradece o presente que ganhou da mãe (Foto: Renata Libertini /Divulgação ONG Sonhar Acordado)


Comentário do blog
Parabéns à ONG Sonhar Acordado pela iniciativa, e ao SPFC e seus profissionais pela realização deste sonho.

E ao Jorge, meus sinceros votos de sucesso em seu tratamento.


5 comentários:

Anônimo disse...

Simplesmente d+!!!

Anônimo disse...

Demais! Parabéns, sonhar! =)

Anônimo disse...

Parabéns, Sonhar! =D

Alan D'Avila disse...

Sucesso ao Jorge, meu vizinho de cidade! Parabéns a ONG sonhando acordado e ao SPFC e seus profissionais, pela atenção e carinho ao garoto!

Xandão disse...

Espero que o moleque saia do Morumba hj com seu gol e com muita alegria, afinal de contas, sabe-se que sem alegria nada se alcança!

Força Jorge!

Postar um comentário