quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Enquanto shopping é fechado, dutos da Transpetro causam explosão


Hoje, em Itaquaquecetuba, um tudo da Transpetro explodiu atingindo uma área de 300 metros e parte do combustível chegou a um córrego que abastece o rio Tietê. 
Não houve vítimas e técnicos da Cetesb ainda estão analisando o tamanho dos danos ambientais.

Esta ocorrência deve servir de alerta às autoridades sobre a questão dos dutos do Itaquerão.

A última informação que tive (leia aqui) é de que os dutos seriam realocados ao lado do conjunto habitacional da Cohab existente no local.

Não sei se houve alteração no projeto, mas já que a obra vai ser executada, é preciso que ao menos ofereça segurança aos moradores locais e aos freqüentadores do estádio.

Acho que o Sr. Gilberto Kassab deveria ser questionado por que o rigor (correto, diga-se) aplicado a todo o complexo do Shopping Center Norte, que foi fechado devido ao risco de explosões, não é aplicado ao itaquerão.

Também hoje, o portal Folha.com, traz a informação de que o SCCP não cumpriu o prazo previsto pelo Ministério Público para entrega do "Termo de Definição de Responsabilidade" referente a remoção dos dutos que passam sob o terreno do Itaquerão.

O documento define de quem é a responsabilidade por eventuais problemas causados pela obra e pelo seu custo.
Também gostaria de saber se o MP irá tomar alguma providência pelo não cumprimento do acordo por parte do SCCP.

5 comentários:

Anônimo disse...

o MP não vai mexer uma palha para investigar obras da copa. eles já foram bem instruídos.

Anônimo disse...

Não fique esperando o MP tomar alguma atitude.
Mande uma denuncia pra lá. Descreva a situação, acrescente links que embasem a denuncia e qualifique seus numeros de documento no email. Nesse caso eles são obrigados a tomar alguma medida. Normalmente, eles vão encaminhar a denuncia para uma delegacia proxima à ocorrencia e dar inicio à um inquérito. Se forem muitas denúncias, eles têm que abrir um processo .

Régis/SP disse...

Guedex, em retaliação ao Grupo Folha (ou melhor seria UOL/Notícias Populares) você não deveria citar o nome deles em suas matérias.
Eles tem a razão deles para deixarem você usar matérias deles e por outro lado você não deveria fazer propaganda do que tem no site deles.
Sugiro que você cite "num portal de internet..." ou "num site sensacionalista de internet". Fica mais ao nível deles.

Rogério ::: ... ... disse...

A única diferença é que no Center Norte existe gente trabalhando, sendo fácil portanto EXTORQUIR dinheiro.

Já no ISENTÃO a extorção é praticada pelos proprietários.

Naquela última entrevista do estelionatário Cara de Areia Mijada, na qual ele diz que o custo do ISENTÃO ultrapassará R$ 1 bilhão, uma parte deste dinheiro é destinada ao pagamento de propina.

Alguns promoters, que estavam em busca de seus 5 minutos de fama, estão na lista de pagamento. Dai então, estranhamente, ficaram quietos, com o rabinho entre as pernas.

Alan D'Avila disse...

O governo só faz o que lhe interessa ou quando é realmente pressionado a fazer, começou a sair matéria no jornal, ele fechou o center-norte

Postar um comentário