quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Cobertura do Morumbi: Definido o consócio, anúncio oficial será até o final de novembro


Clique na imagem para ampliar

Durante o evento de lançamento da TV Soberano realizado ontem no programa “Encontro de Craques” do Bandsports, José Francisco Manssur, assessor direto do presidente Juvenal Juvêncio, divulgou que em reunião realizada na tarde de ontem o clube definiu a empresa vencedora da concorrência para a cobertura do Estádio Cícero Pompeu de Toledo.
Segundo Manssur, o clube recebeu 12 propostas e o custo da obra, que terá a duração de 18 meses, ficará entre R$ 100 milhóes e R$ 120 milhões.
“No final de novembro, faremos um evento no Morumbi, quando será oficialmente anunciado o acordo. Caberá ao presidente Juvenal Juvêncio revelar isso” - afirmou Manssur.
Sinceramente, não acredito as imagens do projeto exibidas durante o programa, e reproduzidas nesta postagem, sejam as reais.

Primeiro porque o desenho é de um dos projetos mais antigos, e segundo, porque acho improvável (e pouco inteligente) que essa informação fosse divulgada sem a presença de JJ. A magnitude da obra exige uma solenidade especial.
Como as empresas participantes do consórcio vencedor ainda não foram comunicados oficialmente, seus nomes não foram divulgados.

Este consórcio é composto por:
  • Empresa responsável pela construção da cobertura 
  • Empresa que irá operar a arena multiuso 
  • Empresa que irá explorar o “naming rights”
Ainda poderá fazer parte do consórcio uma quarta empresa que ficaria responsável pela construção e administração um hotel junto ao estádio (clique aqui para mais informações).

Clique na imagem para ampliar
 
Além do conforto aos freqüentadores do estádio, com a cobertura o São Paulo espera resolver o problema acústico, razão de queixas dos moradores próximos que estão sendo analisadas pelo Ministério Público.
O início das obras, que serão executadas sem o fechamento do estádio, depende somente que a Prefeitura da Cidade de São Paulo aprove o projeto. A expectativa é de que comecem em janeiro de 2012.
Agora é aguardar o anúncio oficial.

7 comentários:

Anônimo disse...

uma pergunta:
o spfc caiu fora da sul americana
se o vasco ganhar, como vale vaga pra libertadores, aumenta a chance do spfc a garantir vaga pelo brasileirao ? (pois o vasco ja estaria classificado)

Guedex disse...

Pelo que sei se o vasco for campeão da Sul-Americana a vaga para Libertadores fica com o vice desta competição.

Anônimo disse...

Naming rights ... a questão do nome do estádio é complicada ... se os jornais, rádios e TV's não adotarem o novo nome, ninguém usará ... e a Globo (que detém os direitos de transmissão dos jogos), não faz "propaganda de graça (vide a F1, que a Globo chama a Equipe Red Bull de RBR, para não fazer propaganda de graça) ... além disso, todos conhecem o Morumbi por Morumbi ... e alterar será difícil ... vc se lembra da Arena Kyocera ???? Era o nome oficial do estádio do Atlético- PR ... só que ninguém chamava assim ... foi e sempre continuará sendo Arena da Baixada ... ao final do contrato a empresa japonesa caiu fora com um tremendo prejuízo ...

Geraldo

Guedex disse...

Geraldo,

O naming rights será apenas para a arena de shows, não para todo o estádio.
Acho que pode pegar, como pegou o Credicard Hall, Espago Unibanco, etc.

WeB disse...

Se a GEO (que é da Globo) realmente fizer parte do consórcio vencedor, com certeza o naming rights será respeitado. Vamos torcer por isso (porque torcer para o time, tá difícil).

Alan D'Avila disse...

Até que enfim! Agora vai hein! E como o naming rights é apenas para a arena, vai pegar fácil, ao contrário de Itaquerão

Anônimo disse...

Tá com cheiro de factóide isso aí. Nossa direção está ficando gambalizada

Postar um comentário