/* --- ---- */ By Guedex: Janeiro 2011

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

São Paulo está perto de confirmar a renovação do contrato de Lucas


Reprodução: globoesporte.com
O clube e o empresário do jogador já acertaram o valor dos salários e falta apenas definir a porcentagem do passe que o Tricolor repassará ao camisa 7
Marcelo Prado São Paulo

Um dos poucos destaques do São Paulo no último Campeonato Brasileiro, o garoto Lucas, revelado no CT de Cotia e que subiu ao time profissional no meio do ano de 2010, tem tudo para acertar sua permanência na equipe do Morumbi. Até a próxima quarta-feira, o clube pretende anunciar a renovação do contrato do camisa 7, que deverá  assinar um novo compromisso com validade até dezembro de 2015. Como ele ganhará um substancial aumento, o Tricolor também poderá elevar sua cláusula rescisória que, atualmente é de R$ 980 mil para clubes brasileiros e € 10 milhões (R$ 25 milhões) para times do Exterior.
Uma reunião no meio da semana entre o vice-presidente de futebol do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, e o empresário Wagner Ribeiro deverá sacramentar o acordo. No início das negociações, o representante do atleta começou pedindo R$ 130 mil mensais para o seu jogador, o que foi prontamente rejeito pelo clube. Após novas conversas, chegou-se a um denominador comum e o salário do atleta ficará na casa dos R$ 80 mil mensais.
- O acerto está bem encaminhado, até porque o São Paulo tem interesse na permanência do Lucas e o Lucas quer muito continuar no clube. Pelo que conheço da diretoria são-paulina, em poucos dias teremos novidades. O jogador terá seu talento reconhecido e receberá um belo aumento. Mas ainda precisamos acertar alguns detalhes – afirmou Ribeiro, em conversa com a reportagem do GLOBOESPORTE.COM.
O “detalhe” que Ribeiro citou acima é a porcentagem dos direitos federativos que o clube cederá ao jogador. Inicialmente, o agente pediu 40%, mas deverá receber algo entre 10% e 15%.
Vale lembrar que o vínculo atual do meia-atacante, que se encerraria no dia 31 de dezembro de 2013, será anulado, já que contém uma irregularidade. Lucas chegou ao Tricolor em 2006 e, dois anos depois, foi emancipado pelo clube por um período maior do que a lei permite. O acordo só poderia valer até 2011. Ciente do erro, que foi o que permitiu a Oscar deixar o clube judicialmente para acertar com o Internacional, o clube do Morumbi fará um novo acordo para que não ocorra nenhum problema no futuro.

Só depois do Carnaval


Reprodução: Portal 2014 

Há um dito no Brasil de que o ano só começa depois do Carnaval. Neste ano de 2011 o Carnaval é no começo de março, o que adia, em muito, o início do ano. E os brasileiros agora parecem ter convencido o Secretário Geral da FIFA, Jèrome Valcke de tal princípio.
Ele só deve começar as cobranças efetivas depois do Carnaval.
Assim como fez com o Presidente do COI, os brasileiros convidam as autoridades para acompanhar ou participar dos grandes eventos turísticos: o reveillon de Copacabana e agora o Carnaval carioca. Os baianos ainda não entraram na agenda.
Terminado o Carnaval e a farra, chegará a hora da verdade. Quais serão, efetivamente, os estádios para a Copa. Onde será a abertura? Em que cidade ficará o Centro de Mídia?
As pendências mais conhecidas são de Natal e de São Paulo. Natal não consegue encontrar parceiros que, efetivamente, se disponham a investir no estádio. As manifestações de interesse são grandes, mas na hora do “vamos ver”, ninguém mostra as cartas. Das doze cidades, em apenas três (Salvador, Belo Horizonte e Recife) há efetivas parcerias público-privadas. Na forma de concessões administrativas, ou sejam, baseadas em mesadas futuras. Cinco delas foram assumidas pelos Governos Estaduais (Cuiabá, Manaus, Brasilia, Rio de Janeiro e Fortaleza).
São Paulo está terminando o mês, sem a decisão prometida. O Corinthians não conseguiu fechar a equação financeira, esperando ainda por recursos públicos para completar o orçamento. O que fica cada vez mais difícil, diante da situação das contas públicas.
A Prefeitura de São Paulo quer mesmo é sediar o Centro de Mídia. Esse é mais importante e mais rentável para a cidade do que o jogo de abertura. Para o Centro de Mídia, pode colocar recursos públicos, pois a sua proposta envolve o Anhembi, que é uma edificação pública.
Quer ter jogos, mas não necessariamente o da abertura. Para isso tem a opção do estádio do Corinthians, sem a ampliação ou até mesmo a nova arena do Palestra. Em último caso, voltam as opções do Pacaembu e do Morumbi, sendo essa mais remota.
O apoio público ao estádio de Itaquera só ocorrerá se a FIFA condicionar o Centro de Midia à abertura.
Nesse caso haverá uma nova engenharia financeira. Essa poderá ser uma sociedade de propósitos específicos, de caráter misto, com participação acionária do Estado ou Municipio, devidamente autorizados por lei, juntamente com a construtora e o clube, contemplando todas as receitas futuras da arena. O que o clube tem resistido a conceder.
Não há viabilidade num estádio para a abertura, sem passar para o investidor todas as receitas futuras, o que o Corinthians não quer, dando origem ao impasse até agora não superado.

Enquete: JJ ou Leco?


Segundo informações que circulam na imprensa, antes de JJ decidir-se por sua candidatura ao terceiro mandato, o nome mais forte para sucedê-lo era o do vice-presidente de futebol Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco.
O “by Guedex” quer saber: você prefere a reeleição de Juvenal ou que Leco seja alçado a presidência do clube?
Deixe sua opinião na enquete ao lado.
RESULTADO
Opções Votos
Juvenal Juvêncio 49%
Carlos Augusto de Barros e Silva (Leco) 51%

Vice-presidente ironiza o ex-superintendente do São Paulo

Reprodução: LANCENET

Carlos Augusto de Barros e Silva alfinetou Marco Aurélio Cunha e diz que o antigo cargo está extinto
Marcelo Braga

O relacionamento entre o vice-presidente de futebol do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, e o ex-superintendente do clube, Marco Aurélio Cunha, não era mesmo dos melhores. Neste domingo, após Cunha afirmar em entrevista ao Portal Terra que há seis meses teria oferecido Rivaldo à diretoria são-paulina e recebido risos como resposta, Leco fez questão de ironizá-lo:
- Ele disse que poderíamos ter contratado Rivaldo há seis meses, o que é verdade. Ele (Marco) nos consultou sobre essa possibilidade, dizendo que Rivaldo viria atravás de um empresário que inclusive foi nosso jogador (Marcelo Veridiano). Tivemos conhecimento, analisamos a coisa, mas custava um dinheirão. Tínhamos que pagar o preço do passe naquela ocasião. E agora trouxemos de graça. É um pouco diferente a situação, não é? - ironizou.
Há dez dias, ao deixar a superintendência de futebol do Sampa, Cunha reclamou de falta de "influência" com o restante da diretoria de futebol. Questionado pelo LANCENET! se o cargo seria preenchido por outra pessoa, Leco negou:
- Não, a superintendência do São Paulo está extinta, porque a estrutura do São Paulo pode fazer tudo aquilo que esse cargo faria - disse.

Comentário do blog
Um dos motivos alegados por JJ para tentar a reeleição é a falta de alguém qualificado para sucedê-lo, e acho que nisso ele tem razão. O Comportamento de grande parte dos  atuais dirigentes do SPFC é deplorável, e para coroar só faltava mais essa: dois senhores ficarem trocando “farpinhas” pela imprensa.
Ridículo.

domingo, 30 de janeiro de 2011

Ceni: 'Se o São Paulo não ganhar títulos, paro em 2012'

Reprodução: LANCENET

Em entrevista exclusiva ao LANCENET!, goleiro comenta sobre o fim da carreira, analisa o atual time do Tricolor e fala sobre a contratação de Rivaldo
Alexandre Lozetti

Rogério Ceni não quer parar de jogar futebol. O assunto, nitidamente, o incomoda. Será um sofrimento inevitável. Mas ele vai parar no fim do ano que vem caso o São Paulo não reencontre o caminho dos títulos.
Em entrevista ao LANCENET!, o maior ídolo da história tricolor, pela primeira vez, fez previsões concretas sobre o fim da carreira. E condicionou a decisão às conquistas, às quais tanto se acostumou na fase áurea do time, entre 2005 e 2008. Foram três títulos brasileiros, um Paulista, uma Libertadores e um Mundial de Clubes.
Duas temporadas sem erguer troféus tiram o sono do goleiro. Fisicamente, ele está em perfeito estado. Neste domingo, contra o Santos, vai disputar o 74 jogo consecutivo.Tecnicamente também se vê em condições de atuar em alto nível. Mas o atual contrato, com término em dezembro de 2012, só será renovado com uma condição.
– Eu me cuido para tentar estender ao máximo, mas chegou um momento da minha vida em que só farei isso se ganhar títulos. Se o São Paulo não voltar a ser vencedor em 2011 e 2012, eu paro.
Ceni tem na ponta da língua a receita para a equipe melhorar. O semblante cansado após treinar sob 33 graus não o impediu de listar as necessidades: competitividade, companheirismo, confiança, um lateral-direito e um atacante. E sempre se incluindo nas cobranças.
– Temos de ser mais atletas, nos concentrar mais no que estamos fazendo, sempre ligados na partida.
Rogério também falou de suas marcas, da Copa do Brasil e admitiu a possibilidade de ser presidente do São Paulo no futuro. Técnico? Não!

LANCENET!: De que marca se orgulhará mais? Cem gols ou mil jogos?
ROGÉRIO CENI: Tenho 952 jogos e 96 gols, é muito próximo, muda o arredondamento, ganha proporção. Não sei se os gols vão chegar, ou quando. Os mil jogos vão chegar porque me condiciono bem para isso. As duas marcas são importantes, mas secundárias. Quero ver quantos títulos ganho antes dos mil jogos. Já passamos por muita coisa antes disso, as marcas acontecem porque o São Paulo funciona. Ganhou em 2005, 2006, 2007 e 2008. Em 2009 batemos na trave. Mas 2010 foi ruim. Temos de ver o que precisamos fazer para os títulos virem e comemorar as marcas com grandes conquistas coletivas.
L!: Já sabe o que precisam fazer?
RC: Ser mais competitivo. O grupo não mudou muito em relação ao ano passado. Então já vimos que se for o mesmo grupo com o mesmo nível de competitividade, não dá. E precisamos de um lateral-direito e um homem de frente, para que o treinador possa ter mais variações. Se o Jean se machucar, o que fazemos na lateral direita? Não temos outro jogador com essa característica e, se você desarticula um lado, perde muito, tem de improvisar. E também temos de ser mais atletas.

Na telinha

Reprodução: Painel FC, Folha.com

Na luta pelos direitos de transmissão, a Record faz mais uma tentativa para cativar os cartolas. A emissora pretende oferecer um espaço na grade de programação da Record News para os clubes se promoverem.
Pelo projeto, a cada dia um clube transmitiria um programa. Executivos da emissora apontam que por a Record News não ser um canal da TV paga, esse seria outro meio de engordar receitas de patrocínio.

Apelo
Nos programas, o plano é que os clubes tenham liberdade para exibir conteúdo próprio. O horário de transmissão deverá ser nobre, mas o projeto ainda está em desenvolvimento.

sábado, 29 de janeiro de 2011

"Recebíveis"

Reprodução: Painel FC, Folha.com

Contratado como a estrela do São Paulo para a temporada, Rivaldo não vai receber salário parecido aos pagos a Ronaldo e Ronaldinho. O meia vai ganhar no clube R$ 100 mil mensais. Além dos vencimentos, Rivaldo terá participação em ações de marketing e conseguirá levar ao Mogi Mirim, clube que preside, jogadores que não serão utilizados pelo São Paulo. Destaques da base, aliás, já podem ir para o Mogi.

Jogando a seu favor
O São Paulo pretende utilizar a imagem de "atleta ético e cartola bem-sucedido" para atrair patrocínios ao clube, já que Rivaldo não é muito carismático. Os alvos são empresas relacionadas a responsabilidade social.

Eleição do São Paulo em 2014 começa já

Reprodução: De prima, LANCENET

O presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, depois de definida sua candidatura à segunda reeleição, deve agora preencher os cargos do clube já pensando nas eleições de 2014.
Os dois cargos mais importantes são a vice-presidência de Futebol e a presidência do Conselho Deliberativo. Quem ocupar esses cargos estará mais perto da indicação para a sucessão de Juvêncio - que reluta em apontar um favorito. A vice-presidência do clube, como de praxe, deve ser dada ao bloco de oposição que aderiu nesta semana a Juvêncio.

Após criticar, equipe adere a "loteamento'

Reprodução: Folha.com

O uniforme utilizado por Rivaldo na apresentação ao São Paulo mostrou que o clube aderiu ao "loteamento" da camisa que antes era criticado por seus próprios dirigentes.
Além do BMG, patrocinador principal, e da Reebok, fornecedora de material esportivo, duas empresas exibiram suas marcas no modelo usado por ele. A operadora de telefonia TIM comprou presença nos números das camisas de jogo. Por R$ 3 milhões anuais, será parceira do São Paulo até 2013.
Já a empresa de cartões de crédito Visa expôs a marca na barriga, na barra das costas e nas mangas da camisa da apresentação. Pela ação, válida também para o jogo de estreia de Rivaldo, desembolsou cerca de R$ 500 mil.
"As mangas são o único espaço que está à venda.
Mas se surgir uma oportunidade boa de comercializar as barras e a barriga, vamos fechar", disse o gerente de marketing do São Paulo, Adalberto Baptista.
No ano passado, a exposição de várias marcas no mesmo uniforme foi severamente criticada pelo vice de marketing são-paulino, Julio Casares, que comparou a camisa do Corinthians a um "macacão de F-1". Agora, o dirigente mudou o discurso.
"É a realidade do futebol brasileiro. Camisa poluída não é bonita, mas precisamos fazer alguns esforços para arrecadar dinheiro", afirmou Casares.
O vice-presidente de marketing disse também que o clube estuda outros "patrocínios de ocasião", como o da Visa, apesar de não gostar do recurso.

Cada um que assuma seus “erres”


Rivaldo chega "fininho" ao Tricolor e treina com disposição de garoto.

Rivaldo impressiona no 1º treino e se diz pronto para jogar

Reprodução: ESTADAO.COM.BR

Meia mostra boa forma física, movimenta-se bastante, apesar do sol forte, e deve estrear na quinta-feira, contra o Linense, ou no dia 19, com o Bragantino
Giuliander Carpes

Com o mesmo corpo - 73 kg distribuídos em 1,86m - com o qual se tornou o melhor jogador do mundo, em 1999, e campeão mundial com a seleção brasileira na Copa da Coreia do Sul e do Japão, em 2002, Rivaldo se apresentou ontem ao São Paulo. Treinou pela primeira vez com os companheiros, no Centro de Formação de Atletas de Cotia, e impressionou. Debaixo de um sol forte, mais de 30 graus, o meia de quase 39 anos movimentou-se como qualquer outro jovem jogador são-paulino.
"Sempre me cuidei bastante, nunca tive lesões sérias. Estou bem e vou jogar tranquilamente em todas as partidas que o treinador precisar", explicou. "Estou no futebol há muito tempo e é muito raro ver atletas com a idade dele na condição em que se apresentou. Seus exames médicos foram perfeitos, sua condição é muito boa", assegurou o médico José Sanches.
Rivaldo já se pôs à disposição para estrear. Paulo César Carpegiani, no entanto, prefere aguardar mais um pouco. "Seria até falta de ética com os companheiros chegar e já atuar. Conversei com o treinador e vamos esperar mais um pouco", disse o astro. O técnico quer ver qual será a melhor posição para o veterano. O novo camisa 10 são-paulino gostaria de atuar de acordo com o número de seu uniforme, na armação.
Joguei assim toda a vida e é como gosto de atuar. Sem posição fixa, com liberdade para armar as jogadas."
Depois de correr por quase duas horas, o craque ainda treinou chutes a gol ao lado de Marcelinho Paraíba. Demorou um pouco para calibrar a famosa perna canhota que marcou cinco gols na Copa de 2002 - chutou algumas bolas por cima da cerca que fica atrás da meta. Mas depois acertou a trave duas vezes antes de encontrar as redes. Espera que isso seja frequente na sua volta aos gramados. "Mesmo com 38 anos, eu vou para o pau", garantiu.
A data de sua estreia ainda não está definida. A ideia da diretoria é apresentá-lo à torcida no Morumbi. Portanto, se não for na quinta-feira, diante do Linense, ficará apenas para o dia 19, sábado, contra o Bragantino - a equipe tricolor tem antes dois compromissos pelo Paulista e um pela Copa do Brasil fora de casa.
Marketing discreto. Além do contrato com a Visa, que renderá R$ 600 mil ao clube para o jogo da estreia de Rivaldo - a marca ficará estampada na barra da camisa -, o São Paulo não prevê "abuso" na utilização da imagem do jogador. O projeto é tentar fechar mais acordos parecidos com a administradora de cartões de crédito, mas o camisa 10 não deverá ser estrela de muitas propagandas.
"Vamos respeitar o estilo discreto que o Rivaldo teve durante toda a sua carreira. O Robinho, por exemplo, é um jogador mais irreverente, mas o Rivaldo não é assim", afirmou o diretor de marketing tricolor, Adalberto Baptista, que garantiu pelo menos participação do atleta em licenciamento de produtos como material escolar, camisetas e brinquedos. "Sua trajetória como jogador e as atuações que terá em campo são as melhores iniciativas de marketing em que podemos envolvê-lo."
Sonho antigo. O São Paulo tentou contratar Rivaldo antes mesmo de ele estourar pelo Mogi Mirim, entre 1992 e 1994. Mas chegou atrasado. Por indicação de Telê Santana, o jogador chegou a se apresentar no gabinete do então presidente José Eduardo Mesquita Pimenta. Mas Rivaldo disse que tinha negociado antes com o Mogi e cumpriria o acordo.

Juvenal usa reforço para fazer campanha

Reprodução: Folha.com

Provável candidato à reeleição no São Paulo, o presidente Juvenal Juvêncio aproveitou a apresentação de Rivaldo para expor aquele que ele considera seu maior trunfo para continuar no cargo.
O mandatário pouco falou sobre o camisa 10 em seu discurso de recepção ao reforço. Preferiu rasgar elogios ao CT de Cotia, casa das categorias de base do clube inaugurada em 2005 e vista pela diretoria como estrutura única.
Além do meia, Juvenal exibiu ontem a recém-construída arquibancada para 1.500 pessoas do campo principal.
"O Rivaldo independe de apresentação, mas a fizemos aqui para mostrar nosso CT. Temos hotel, Reffis e estádio da base. Isso significa que somos o primeiro clube do país em que a base tem seu próprio estádio", discursou.
Eleito presidente em 2006, Juvenal se apega a uma interpretação do estatuto do clube para poder disputar o terceiro mandato consecutivo.
O São Paulo permite apenas uma reeleição, mas a situação alega que o atual mandatário só cumpriu um ciclo sob o atual estatuto, alterado em 2008, em manobra que aumentou o mandato de dois para três anos.
O presidente ainda não oficializou que será candidato em abril. Segundo a assessoria de imprensa do clube, ele deve conceder uma coletiva na próxima semana.

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Visa patrocinará estréia de Rivaldo


Repetindo a estratégia utilizada nas estreias de Ronaldo e Robinho, a Visa irá estampar sua marca na camisa do São Paulo na primeira partida que Rivaldo fará pelo clube do Morumbi.
Hoje, durante a apresentação do meia no CTA de Cotia, a logomarca da empresa estava presente mas mangas, frente e na barra traseira da camisa tricolor.
A operadora de cartões de crédito também esta negociando com o Flamengo a estréia de Ronaldinho Gaúcho.

Em Cotia, São Paulo apresenta dois reforços da base

Reprodução: LANCENET

O zagueiro Luiz Eduardo e o lateral-esquerdo Miranda integram o grupo

Além de Rivaldo, outras duas novidades marcaram presença no CFA de Cotia, na manhã desta sexta-feira. Como prometido, Paulo César Carpegiani puxou dois garotos da base para o profissional. O zagueiro Luiz Eduardo e o lateral-esquerdo Miranda, ambos de 18 anos.
Depois de disputarem a Copinha, eles vão ser observados pela comissão técnica. A tendência é a de que permaneçam, já que a dupla, internamente, é muito elogiada por todos.
Carpegiani ainda estuda outros nomes. Um lateral-direito e um atacante são as outras opções do treinador. Vale lembrar que Bruno Uvini, Casemiro, Lucas, Henrique e Willian José, todos na Seleção Brasileira sub-20, são outros jovens que vão reintegrar o grupo, mas só em fevereiro.
Para lateral esquerda, o grupo conta com Juan, Junior Cesar e Diogo. Carleto foi emprestrado ao Olímpia (PAR) e não participou dos últimos dois treinos. Para defesa, Renato Silva está de saída e Miranda tem pré-contrato com o Atlético de Madrid (ESP), onde vai atuar a partir de julho. Alex Silva está emprestado até o fim de julho pelo Hamburgo (ALE). Xandão é outra opção.

Camisa e bola utilizadas na apresentação de Rivaldo serão leiloadas

Reprodução: Site Oficial do SPFC

Arremate Tricolor, novo site de leilão do São Paulo FC, possibilitará ao torcedor a compra de produtos exclusivos

A apresentação do novo camisa 10 do São Paulo FC, o pentacampeão Rivaldo, também marca o lançamento de uma nova ferramenta para o torcedor são-paulino. O site Arremate Tricolor é o novo leilão de 1 centavo oficial do Tricolor.
Os primeiros produtos leiloados pelo site serão a camisa oficial e a bola utilizadas na apresentação do reforço são-paulino, que aconteceu na manhã desta sexta (28), no CFA Cotia. Tanto a bola quanto a camisa foram autografadas pelo craque. Além disso, também estarão à disposição dos torcedores ingressos para a estreia do craque no Morumbi, com direito a visita ao vestiário tricolor após a partida. Em breve deverão ser leiloadas também visitas ao CT da Barra Funda e ao CFA Cotia.
Para participar do leilão, o torcedor deve se cadastrar em http://www.arrematetricolor.com.br e adquirir seus lances, escolhendo uma das diversas formas de pagamento disponíveis no site. Além disso, cada cadastrado recebe 5 lances grátis para começar a participar.
Uma tarja sobre cada produto indica o horário de início do leilão, mas os torcedores podem dar seus lances com antecedência, mesmo antes do horário estipulado. Todo leilão se inicia em R$ 0,00 e tem um cronômetro regressivo de 30s. A cada lance dado, o preço sobe R$ 0,01 e o cronômetro reinicia.
Se der um lance, ninguém cobrir este valor e o relógio zerar, o torcedor se tornará o arrematante do produto.
Como os leilões estendem-se cada vez que um lance é dado, não é possível definir o tempo máximo de duração dos leilões.
Geralmente, produtos com maior valor tendem a demorar mais tempo em relação aos produtos mais baratos, porém não existe uma regra. O torcedor que arrematar o produto escolhido deverá pagar o "Valor Para Arremate", indicado abaixo de cada produto mais o frete.
O Arremate Tricolor permite aos são-paulinos adquirirem produtos exclusivos, que não estão à venda em nenhum outro canal, e por preços muito baixos. É uma iniciativa inovadora e vantajosa não apenas para o clube, mas para toda a torcida são-paulina.

Pinheiros confirma ex-fisiologista do São Paulo em projeto olímpico

Reprodução: UOL

O Pinheiros finalmente anunciou a contratação do fisiologista Turíbio Leite de Barros. O ex-profissional do São Paulo negociava há meses com o clube paulistano, mas o novo ‘reforço’ foi confirmado somente nesta quinta-feira. Em novembro, o UOL Esporte antecipou a possibilidade de acordo até então negada pela equipe.
“Estou em casa. Aqui, no Pinheiros reencontrei muitos amigos e profissionais com quem já tive a oportunidade de trabalhar e até alunos, que hoje são referências na medicina do Esporte. Assumir, esse ano, o desafio de atender atletas olímpicos do Pinheiros será, sem dúvida, uma satisfação”, disse Turíbio Leite de Barros.
O fisiologista trabalhou por 25 anos no São Paulo e acabou demitido em julho do ano passado. As negociações com o Pinheiros se arrastaram por alguns meses. Segundo o UOL Esporte apurou e publicou em novembro, a demora no acerto ocorreu por discordâncias na parte financeira.
O Pinheiros já possui um projeto voltado para atletas olímpicos aprovados pela Lei de Incentivo ao Esporte. O valor a ser captado por meio de isenções de impostos é de mais de R$ 20 milhões, e tem os Jogos de 2012 como principal meta.

Comentário do blog
Menos mal.

Nova loja SAO Store é inaugurada em Goiânia

Reprodução: Site Oficial do SPFC

Abertura da oitava unidade da grife atraiu vários torcedores na capital goiana

Imagem: Vipcomm
Os são-paulinos de Goiânia agora têm uma excelente opção para comprar os produtos do Tricolor. Na tarde desta quinta-feira, mais uma unidade da SAO Store foi inaugurada, agora na capital goiana, sendo essa a primeira loja da grife fora do Estado de São Paulo.
Com a presença do atacante Lucas Gaúcho, o evento reuniu torcedores e convidados com um pacote de atrações – a presença dos cartunistas Paulo Branco e Ricardo Quintana, que fizeram os desenhos que decoram a loja, e a distribuição de pôsters do goleiro Rogério Ceni, ação que continua nesta sexta-feira para o público que visitar a loja (o número de pôsters é limitado).
A loja, de 100m², oferece produtos exclusivos inspirados no time e desenvolvidos ou licenciados pela Reebok, a marca esportiva oficial do São Paulo. Lá também há uma réplica da Taça Libertadores, com a qual o público pode tirar fotos. 
A nova unidade é a oitava da rede. Além de Goiás, a SAO Store tem lojas nos shoppings Ibirapuera, Pátio Paulista, Center Norte e Aricanduva, na rua Oscar Freire, no Estádio do Morumbi e em Campinas.

SAO Store de Goiânia
Primeiro piso - Shopping Bougainville
Rua 9, nº 1855, Setor Marista
Segunda a sábado das 10h às 22h
Domingo das 14h às 20h

Prefeito adia prazo de Andres para Itaquerão

Reprodução: Painel FC,Folha.com

A construção do estádio corintiano não deverá começar em março, como o presidente do clube, Andres Sanchez, tem dito.
Ontem, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, afirmou que, de acordo com o Corinthians, o Itaquerão só sairá do papel em maio.
"Segundo o Corinthians, a obra de seu futuro estádio começará até maio, com todas as aprovações da prefeitura e do governo do Estado", disse ele, no lançamento da candidatura de São Paulo para sediar o IBC (centro de mídia) da Copa.
A informação passada pelo prefeito paulistano conflita com as recentes declarações feitas por Andres Sanchez, que prometeu iniciar as obras de Itaquera até o começo de março.
Sobre a conclusão da arena, Kassab apenas informou que "a Odebrecht prometeu cumprir o prazo de entrega do estádio", previsto para o final de 2013.


Comentário do blog
Vale lembrar que segundo os "rígidos critérios" da Fifa, as reformas ou construções dos estádios para a Copa 2014 deveriam começar no máximo até o dia 31 de janeiro de 2010. Já o prazo final para a entrega definitiva de todos os estádios em plenas condições de uso será o dia 31 de dezembro de 2012. Em 2013, o país deverá receber a Copa das Confederações, que serve como uma espécie de ensaio geral para o Mundial, e se o Itaquerão tem a pretensão de sediar a abertura, imagina-se que deve passar por este teste.
Caso as obras em Itaquera realmente comecem em maio, o estádio terá que ser construído no prazo de 32 meses.
Veremos.

Miraculum!


São Paulo apresenta RIvaldo no CFA de Cotia.

Presidente do São Paulo faz alianças de peso

Reprodução: LANCENET

Clube tem novos consultores. Entre eles, os influentes Abílio Diniz e Roberto Justus
Gabriel Saraceni

Imagem: Miguem Schincariol
Depois de na semana passada anunciar que vai se candidatar à reeleição no São Paulo, Juvenal Juvêncio deu nova cartada política para mostrar o quanto é importante para o clube e está rodeado de pessoas influentes.
Nesta quinta-feira, no Morumbi, escolhidos aleatoriamente, ele nomeou seis consultores para o Conselho Consultivo. Esses vão contribuir com ideias, além de boas relações de acordo com o ramo de atuação profissional. Todos vão ter contato com a diretoria.
Entre eles estão o empresário Abílio Diniz, único que não esteve no evento, e Roberto Justus, apresentador de TV e publicitário. A reportagem do LANCENET!, logo após uma apresentação do mandatário, ainda no Morumbi, teve contato com os recém-empossados. Todos foram só elogios a tudo que presenciaram durante cerca de uma hora de meia e demonstraram gratidão pelo convite que receberam.
– Fizemos algo parecido em 2002, com GES, composto por gente do marketing. O Conselho está com uma linha parecida. É bom, soma forças. É mais um órgão importante no São Paulo – afirmou o vice de comunicação Júlio Casares.
Uma juíza, dois Ministros e o Secretário da Educação do Estado de São Paulo completam a lista (veja detalhes ao lado). Durante a reunião, uma das principais abordagens foi a Copa do Mundo. Juvenal Juvêncio ainda acredita que pode colocar o Morumbi nas partidas de 2014. Para isso, agora também conta com a ajuda dos seus novos aliados. O presidente mostrou as obras que serão realizadas nas redondezas do estádio, e que as mesmas vão começar o mais rápido possível.
O mandatário entende que o Morumbi fora da Copa é uma questão política, e não estrutural, versão oficial da Fifa até então.
Com mandato por vencer em abril, Juvenal tem maioria para se reeleger. Para tirar qualquer dúvida de que ele é o melhor candidato para o clube, mesmo que seja em uma terceira gestão, ele agora conta com gente de grande influência em diversos ramos para lhe dar mais força interna e até externa.
Uma reunião com os consultores está marcada para maio, mesmo mês das eleições no clube. Até lá, eles já vão trabalhar.

Bate-Bola com Roberto Justus

LANCENET!: Como foi o convite?
JUSTUS: Recebi um telefonema de Bastos Neto, presidente do Conselho. Existe o Conselho e esses seis convidados. Vejo como uma homenagem para nós. Não esperava, mesmo minha paixão pelo clube sendo pública. Entender como vai ser e contribuir é lisonjeiro para quem gosta tanto do São Paulo. Estou feliz.
LANCENET!: Como vai conciliar o tempo, já que tem outros afazeres profissionais?
JUSTUS: O que demanda tempo é diretoria executiva, que tem funções que atrapalham o dia a dia. Não estamos nela, mas no Conselho. Vamos ter reuniões esporádicas. Quem sabe outro dia posso participar de uma ou outra gestão executiva, mas só mais para frente.
Integrantes do grupo
Paulo Natanael P. de Souza: Secretário da Educação do Estado de São Paulo. Atual Presidente do Conselho Diretor do CIEE Nacional e do Conselho de Administração do CIEE/SP.
Abílio dos Santos Diniz: Empresário, tem grande influência em vários ramos de atividade. É considerado um dos homens mais ricos do Brasil.
Roberto Luiz Justus: Publicitário e apresentador de TV, tem relação com os mais diferentes ramos de atividade. Após programas de repercussão nacional, ficou popular.
Cláudia Lúcia Fonseca Fanucchi: Juíza federal, pode ajudar em assuntos jurídicos do clube, que já conta com um escritório de advogados.
Sydney Sanchez: Ministro do Superior Tribunal Federal (STF). Conduziu impeachment contra o então presidente Fernando Collor.
Pedro Paulo Teixeira Manus: Ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TSF). Entre outras coisas, pode ajudar o em consultas sobre cota de estagiários e deficientes com vínculo de emprego. 

Comentário do blog
JJ pode ser qualuer coisa, menos burro. Com uma "tropa de choque" dessas, sai de baixo.

Antes de jogar, Rivaldo já traz lucros ao São Paulo

Reprodução: LANCENET

Duas empresas se associam ao clube pelo craque
Bruno Quaresma e Gabriel Saraceni

Novo reforço do São Paulo, Rivaldo será apresentado na manhã desta sexta-feira, em Cotia. Mesmo antes de vestir a camisa tricolor, o craque já traz recursos ao clube. Duas novas empresas, mantidas em sigilo, estamparão suas marcas nos backdrops (painel com patrocinadores usado nas coletivas) devido à contratação.
Antes disso, o camisa 10 participará, pela primeira vez, do treino com os demais jogadores do elenco. Na quinta-feira, Rivaldo foi submetido a exames médicos no Hospital do Coração, em São Paulo. O departamento médico gostou dos resultados.
O nome do pentacampeão já apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF e ele tem condições legais de entrar em campo pelo São Paulo. No entanto, a tendência é a de que isso não aconteça contra o Santos, no domingo.
O preparador físico Sérgio Rocha terá uma primeira conversa com o meia nesta sexta. A expectativa é a de que Rivaldo esteja em boas condições físicas, já que vem treinando diariamente em Mogi Mirim. O craque irá realizar a maior parte dos testes físicos que o elenco fez durante a pré-temporada.
Entre o grupo de jogadores, a expectativa é grande para a chegada de Rivaldo. Foram poucos os que já tiveram contato com o craque. Até o experiente Fernandão não vê a hora de treinar com o camisa 10.
– É uma contratação extraordinária. Eu estou curtindo bastante porque tenho certeza de que vou aprender muito com ele. Tem um chute incrível com a perna esquerda. Estou super feliz – animou-se.

Fifa monta pacote pós-Carnaval

Reprodução: Folha.com

Entidade fará reuniões decisivas sobre assuntos críticos do Mundial em março
Sergio Rangel

A Fifa já prepara um pacote pós-Carnaval para os organizadores da Copa de 2014.
Quase seis meses depois da sua última visita oficial ao país, o secretário-geral da entidade, Jérôme Valcke, terá uma agenda cheia de reuniões decisivas depois de assistir aos desfiles das escolas de samba do Carnaval carioca no início de março.
Baseado no Rio, Valcke pode excluir Natal do Mundial e vai cobrar pressa dos governos na reforma dos aeroportos. Ele também fechará detalhes do sorteio das eliminatórias e exigirá uma posição oficial dos dirigentes do Corinthians e do governo paulista sobre a construção do estádio de Itaquera.
O projeto inicial previa uma arena com capacidade para 48 mil pessoas. A Fifa exige o mínimo de 65 mil lugares para o jogo de abertura.
A demora para o início das obras do estádio de Natal é um dos pontos delicados da pauta. Na semana passada, representantes do governo potiguar se reuniram com o Comitê Organizador Local para tentar acalmar a Fifa.
A cidade ainda não licitou a obra. No encontro, o novo secretário extraordinário para assuntos relativos à Copa de 2014 do governo do Rio Grande do Norte, Demétrio Paulo Torres, prometeu até junho concluir a licitação.
Outro ponto que será discutido é qual cidade receberá os estúdios do IBC (International Broadcast Center, ou centro internacional de mídia) durante a Copa-2014.
Depois de praticamente garantir em setembro que o Rio receberia o centro de mídia, Valcke recuou e adiou a decisão por considerar a instalação carioca pequena.
São Paulo, Brasília e Rio disputam o direito de receber o IBC, espaço nobre da Copa, já que dirigentes e milhares de profissionais ficam na cidade por períodos longos e gastam mais do que turistas.

Reforço terá recepção modesta e sem a presença de torcedores

Reprodução::Folha.com

O evento que marcará a chegada de Rivaldo, 38, ao São Paulo será mais modesto do que as recentes festas organizadas por times brasileiros para recepcionar outros astros do futebol nacional.
Ao contrário de Ronaldo (Corinthians), Robinho (Santos) e Ronaldinho (Flamengo), o meia não encontrará a torcida em seu primeiro evento oficial no clube.
A apresentação, marcada para o fim da manhã de hoje, será aberta só para os jornalistas. O evento será no CT de Cotia, local onde treinam as categorias de base e xodó do presidente Juvenal Juvêncio.
Antes, Rivaldo participará do seu primeiro treino com a equipe dirigida pelo técnico Paulo César Carpegiani.
No domingo, o São Paulo enfrenta o Santos.

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

SCCP lança camisa feita de lixo reciclável


Juvêncio insiste com Morumbi na Copa por valorização


Reprodução: De prima 

Um dos motivos que move o presidente Juvenal Juvêncio a insistir com o Morumbi na Copa é o alargamento de uma rua que margeia o estádio – à custa da desapropriação de imóveis do outro lado. O São Paulo prevê que uma reurbanização do entorno do Morumbi vai valorizar os espaços dentro do estádio, gerando receita extra ao clube.

Dinheiro ainda emperra Fielzão

Reprodução: De prima 

O comitê paulista da Copa de 2014 deve adiar para fevereiro a aprovação formal do Fielzão como estádio da abertura da Copa.
Ainda não está definido qual será a fonte da receita que permitirá que o estádio passe de 48 mil para 65 mil lugares. Essa dificuldade, aliás, é o motivo do silêncio sobre o andamento do projeto da arena.

Patrocínio da TIM: valores e benefícios


Segundo o globoesporte.com, a TIM irá pagar R$ 3 milhões/ano ao Tricolor.
Já o UOL, informa que o acordo com a TIM prevê um setor especial na arquibancada do estádio do Morumbi para clientes da empresa (que terão benefícios exclusivos, como desconto de 50% na compra de ingressos) e um camarote para convidados da operadora.

Comentário do blog 
Desde outubro do ano passado circula a informação (veja aqui) de que o São Paulo estaria negociando a cobertura do estádio do Morumbi com uma empresa de telefonia fixa.
Não conheço muito esse mercado mas acho que com o acordo com a TIM, mesmo sendo ela uma empresa de telefonia móvel, essa negociação (se é que existiu de fato) deve ter esfriado, para não dizer morrido.

São Paulo acerta venda do jovem Lucas Piazon para Juventus


Reprodução: UOL 

O São Paulo negociou o atacante Lucas Piazon com a Juventus, da Itália, por 7 milhões de euros (R$ 15,9 mi), segundo o Jornal da Tarde. A publicação afirma que a conversa se arrastava desde dezembro, e que o atacante ainda deve ficar no Morumbi em 2011.
Piazon tem 17 anos recém-completados e um histórico conturbado no São Paulo. Ele, junto com o lateral Diogo e o meia Oscar, foi um dos que tentaram romper o contrato com o clube no início de 2010 alegando que seu acordo erra ilegal.
No fim, assim como o lateral que hoje serve Paulo César Carpegiani no elenco principal, Piazon acabou voltando ao CT de Cotia. Apontado como promessa desde sua chegada ao São Paulo, o atacante já havia despertado sondagens de clubes europeus anteriormente.
O compromisso entre jogador e clube acaba no fim de 2012, o que deixaria Piazon livre para assinar um pré-contrato no meio do ano que vem, com 18 anos, sem render nada ao São Paulo.
O mesmo Jornal da Tarde diz que, dos 7 milhões de euros, apenas 5 milhões de euros (R$ 11,4 mi) ficarão com o São Paulo. O restante do valor será dividido entre o próprio Piazon e seu empresário, Giuliano Bertolucci.

Atualizado às 16h30
Antonio Carlos, pai de Piazon declarou esta tarde ao LANCENET que a o acordo esta próximo mas ainda não foi fechado. 
"Estamos aqui por conta de um convite formal que foi enviado ao São Paulo para que meu filho viesse conhecer as instalações do clube e a cidade (Turim). Viajamos com autorização do São Paulo para uma primeira conversa. Mas não é verdade que o negócio está fechado. É uma pré-negociação" - garantiu. 

Comentário do blog 
É mais do que evidente que Piazon não tem interesse em seguir carreira no Brasil, portanto, acho que o Tricolor esta certo em aceitar a oferta. pois assim que fosse possível o garoto muito provavelmente assinaria um pré-contrato e iria embora de graça. Além disso, numa futura transferência no mercado europeu o Tricolor ainda receberia mais alguma quantia.
De minha parte, se for por falta de adeus, TCHAU!