terça-feira, 15 de maio de 2012

Recurso contra habeas corpus de Oscar será julgado hoje


Será julgado hoje, no TST de Brasília, o recurso impetrado pelo São Paulo para anular o habeas corpus concedido à Oscar pelo ministro Guilherme Caputo Bastos.
A decisão será tomada por um colegiado de nove ministros, entre eles o próprio Caputo. Segundo o Blog do Birner, o ministro Pedro Paulo Manus, que também faz parte do colegiado, se declarará impedido de votar por ter ligações com o Tricolor.
Para evitar dúvidas sobre a isenção dos ministros, Caputo Bastos deveria seguir os passos de seu colega uma que é casado com a filha de um conselheiro do Internacional, que também é consultor do escritório contratado para defender o atleta.

Atualização: 14h35
A ação são-paulina não entrou na pauta da Segunda Sessão Especializada em Dissídios Individuais do Tribunal Superior do Trabalho, em Brasília.
"Na semana passada, faltavam documentos para que a análise dos ministros pudesse ser feita. Na última segunda, chegou tudo o que faltava, e a expectativa era de que houvesse a análise nesta terça, o que não aconteceu. O relator, que é o ministro Guilherme Caputo Bastos, não precisa justificar o motivo. Agora, com tudo lá, a nossa expectativa é de que não passe da próxima terça-feira" - afirmou o advogado do São Paulo, Carlos Eduardo Ambiel

Em tempo: Além do habeas corpus concedido por Caputo Bastos, Oscar ainda poderá seguir no Internacional amparado por decisão do ministro Barros Levenhagen, decisão esta que o tricolor também está questionando.

Para saber mais:

7 comentários:

Diogo disse...

Infelizmente o bom senso não é uma algo inerente em todos... Parabéns pela nova barra de notícias, ficou bem melhor que anterior!

Carlos Balaró disse...

Guedex, parabéns, a barra de notícias ficou muito legal e com bastante destaque. Quanto ao Ministro Pedro Paulo Teixeira Manus, que foi meu professor na PUC/SP, certa vez tive a honra de fazer sua apresentação num curso que coordenei na Associação dos Advogados de São Paulo; de posse do seu vasto currículo fiz a seguinte pergunta:- Professor, se for para falar tudo o que consta aqui vamos passar a noite toda e não vai ter tempo para sua palestra? Então ele respondeu: - Diga apenas que sou são-paulino! Feito esse breve relato, só posso arrematar afirmando tratar-se de um grande conhecedor do Direito, notável cidadão e uma figura admirável em todos os sentidos.

Guedex disse...

E pelo jeito, bem mais ético que o ministro Caputo.
Como diz o ditado: "Não basta ser honesto, é preciso parecer honesto"

thiagovm disse...

Acho que a saída é dar uma paulada nos dois joelhos do Oscar! Daquelas para quebrar!

Demian disse...

Muito ruim os Ministros terem adiado a decisão para semana que vem.

Espero que semana que vem eles coloquem ordem na casa e sejam humildes o suficiente para decretar que o HC foi equivocado.

Se bem que duvido que isso aconteça.. infelizmente... no melhor das hipóteses vão apenas suspender o HC...

Roberto Jr disse...

Até onde chega meu conhecimento, geralmente nesses colegiados todos seguem o que o relator defende, a não ser que este esteja defendendo algo muito esdruxulo numa questão muito importante, não me parece isso, e no caso o relator é o Caputo... vamos ver...

Régis/SP disse...

Guedex, está precisando dar uma atualizada n blog. Que tal fazer uma charge com o tira-teima mandrake da Globo que deu impedimento no gol do Vasco, enquanto a imagem da Fox mostra outra coisa?

Postar um comentário