segunda-feira, 8 de julho de 2013

Devido a vergonha...

Clique na imagem para ampliar



Com cinco jogadores da base, Santos derrota Tricolor em pleno Morumbi, envergonhando torcida

6 comentários:

Thalisson disse...

Vergonha imensurável! Imagina na Copa Audi, Suruga, o caralho. A vergonha se tornará mundial.

Xandão disse...

Fala aí, o problema era o Ney?

Guedex disse...

Xansão, acho que parte considerável do problema era sim o Ney, só que o Milton Cruz não é solução né?

Rogério ::: ... ... disse...

Obviamente o Milton Cruz não é solução e muito menos o Ney era o problema.

Temos que trocar o caudilho, contratar um diretor e vice de futebol que entendam do riscado.

O técnico urge (pelamordedeus, não RUGE).

Temos que aposentar o Ceni, dar uma bica nos fundilhos do Lúcio e do LF9, enquadrar o Ganso (tipo assim: ou dá ou desce), contratar 2 laterias (UM DIREITO E UM ESQUERDO - é bom discriminar pois temos uma anta no cargo de diretor de futebol - um centroavante, e um segundo atacante que jogue pela direita.

Na zaga temos o Tolói e Edson Silva! O RESTO dispensa todos e contrata 2 titulares.

E, por último, precisamos de 2 volantes pra chegar jogando e chegar junto nos adversários diferentemente dos 2 pamonhas que assistem aos jogos em campo.

Só isso, no resto estamos bem.

Guedex disse...

Rogério, deixa ver se entendi:
Pelo que você escreveu precisamos de um novo goleiro, dois laterais, dois zagueiros para serem titulares, dois volantes que cheguem junto, um meia pro lugar do Ganso, um atacante que jogue pela direita e um atacante pro lugar do Luis Fabiano. É isso? Tem certeza que não precisa de mais ninguém?

Rogério ::: ... ... disse...

Guedex, não se esqueça do técnico, do diretor de futebol, do vice de futebol e, aproveitando o ensejo, troca o caudilho também.

Ah, não se esqueça de mandar o Milton Cruz embora.

Agora sim, é só isso.

Como possivelmente teremos que nos contentarmos com o que temos, que venha logo 2015.

Vamos nos contentar em jogar a segunda divisão, quero dizer, a Sul-Americana não sem antes rezar para não cair.

Postar um comentário