quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Estamos virando um "Sport Club"?

Muito triste constatar que os responsáveis pelo destino do Tricolor não conseguem se entender num assunto de tamanha importância como a cobertura do Cícero Pompeu de Toledo.
Não dá para votar sem ter conhecimento integral do contrato? Ok, correto.
O contrato não pode ser completamente exposto antes da aprovação da CVM para que não influencie o mercado? Ok, correto.
Então, por que cazzo não se acertaram antes de colocar o assunto em votação?
Pô mano, será que nóis tamo memo virano o Curintia?

2 comentários:

Anônimo disse...

Espero que não, pq para chegar lá teria que se meter em tudo o que é falcatrua e eu não gostaria disso, mas o fato do juvenal não apresentar o contrato para a oposição e outros conselheiros não me parece boa coisa.

Regis/SP disse...

Você está certo. E acho que a oposição (e pelo menos parece que agora temos uma) está mais certa ainda em não querer aprovar algo que não pode ter acesso.
Ainda mais pelo histórico da atual administração, que não é clara com relação aos contratos de material esportivo e patrocínio master, pois hora fala um valor (R$ 23 milhões anuais), hora assume que é outro (R$ 17 milhões, com tudo para não ser continuado no ano que vem), depois hora se omite com relação à dívida do fornecedor de material esportivo, e depois assume que ela existe, justamente em época de fechamento de balanço, falando que com isso não se atingirá os valores de contrato (R$ 36 milhões anuais) previstos inicialmente (todo mundo falou que eles não tinham como pagar o valor divulgado).
Se para assuntos que envolvem valores menores já falta muuuuitaaaa transparência, imagine para um assunto que envolve mais de R$ 400 milhões?
Mas o maior absurdo é que você falou, se sabiam que esse assunto estava causando tanto desconforto porque tentaram levar para votação? Só a soberba dos atuais dirigentes pode explicar tamanho vexame.

Postar um comentário